:: ::
 



A IGREJA EVANGELICA ABRAÇAR EM CRISTO é composta pela união de fiéis que se congregam para a promoção da causa do evangelismo no mundo e para a pregação do Evangelho do Reino de Jesus nosso Salvador, crendo nas seguintes doutrinas:
I - AS SAGRADAS ESCRITURAS: Cremos que a Bíblia Sagrada é a palavra do Deus Vivo (Salmos 119:105 - II Timóteo 3:16).
II - DIVINDADE ETERNA: Cremos que só há um Deus vivo e verdadeiro: autor do céu e da terra e de tudo o que neles há e que a divindade da Divindade se constitui triplamente em concordância perfeita, executando funções distintas, mas harmoniosas, no grande trabalho da redenção:
O Pai: cuja glória é tão indescritível que o homem mortal não pode contemplar Sua face e ainda viver, mas cujo coração tão transbordante de amor e piedade pelos homens que, voluntariamente, entregou Seu Filho Unigênito para redimí-lo e reconciliá-lo consigo mesmo (Êxodo 33:20 - João 3:16).

O Filho: Co-existente e Co-eterno com o Pai que, concebido pelo Espírito Santo e nascido da

Virgem Maria, assumiu a forma de Homem e suportou nossos pecados pelo derramamento de Seu precioso sangue sobre a cruz do calvário e quebrando os grilhões da morte e do inferno, levantando-se da sepultura e ascendendo às alturas e levando cativo o cativeiro e, como o grande Mediador, está à direita do Pai (Isaias 53:4-5 - João 1:1).
O Espírito Santo: A terceira Pessoa da Divindade, o Espírito do Pai derramado, Onisciente, onipotente e Onipresente, realizando a missão de nos convencer dos nossos pecados, da justiça e do juízo, levando os pecadores ao arrependimento, preparando-os para o grande dia do aparecimento do Senhor (João 15:26 - João 16:8).

III - A QUEDA DO HOMEM: Cremos que o homem foi criado a imagem e semelhança de Deus, sendo visitado diariamente o Paraíso, mas que por voluntária desobediência e transgressão, caiu às profundezas do pecado e iniqüidade e em conseqüência disso toda a humanidade é constituída de pecadores, carecendo do perdão e misericórdia de Deus (Gêneses 1:27 - Romanos 5:19).

IV - O PLANO DE REDENÇÃO: Cremos que sendo pecadores, Cristo morreu por nós, espontaneamente, por eleição do Pai, levando nossos pecados, recebendo nossa condenação e assinando com Seu sangue o perdão de todos aqueles que nEle crer (Isaias 53:5 - Tito 2:14)

V - SALVAÇÃO PELA GRAÇA: Cremos que a salvação dos pecadores é inteiramente pela graça, através da inabalável misericórdia e amor daquele que nos comprou com o derramamento do seu próprio sangue (Efésios 2:4-8 – Romanos 6:23).

VI - ARREPENDIMENTO E ACEITAÇÃO: Cremos que, pelo sincero arrependimento, verdadeira tristeza pelo pecado e verdadeira aceitação do coração para com Jesus Cristo recebendo ao invés condenação a mais bendita paz, segurança e amparo com Deus ( I João 1:9 - Romanos 5:1-2).

VII - O NOVO NASCIMENTO: Cremos que a mudança que se efetua no coração e na vida, por ocasião da conversão, é absolutamente real e então o pecador é nascido de novo, de modo que as coisas anteriores desejadas agora são desprezadas, enquanto coisas outrora aborrecidas são agora respeitadas e sagradas (II Coríntios 5:17 - João 3:7).

VIII - VIDA CRISTÃ DIÁRIA: Cremos que, tendo sido purificados pelo sangue precioso de Jesus Cristo e tendo recebido o testemunho do Espírito Santo, é desejo real e verdadeiro de Deus que nos santifiquemos diariamente e nos tornemos participantes de sua santidade (I Tessalonicenses 4:3 - Romanos 12:2).

IX - BATISMO: Cremos que o batismo nas águas, em nome do Pai e do filho e do Espírito Santo, de acordo com o mandamento de nosso Senhor Jesus Cristo, é um sagrado sinal exterior de uma obra interior (Mateus 28:19 - Atos 10:47-48).

X - SANTA CEIA: Cremos na comemoração e observância da ceia do Senhor pelo sagrado uso do pão partido, representando um tipo de Pão da Vida - Jesus Cristo, cujo corpo foi partido por nós - e o vinho, um maravilhoso tipo a lembrar o sangue derramado pelo Salvador (Lucas 22:19-20 - Lucas 22:16-18).

XI - CONSAGRAÇÃO DE CRIANÇAS: Zelando pelos princípios bíblicos estabelecidos na antiga aliança e seguindo o exemplo do que aconteceu com o próprio Jesus, apresentamos nossas crianças, num ato de dedicação a Deus (I Samuel 1:24-28 - Lucas 2:22-23).

XII - BATISMO NO ESPÍRITO SANTO: Cremos que o batismo no Espírito Santo é o recebimento prometido do consolador, em poderosa e gloriosa plenitude, a fim de revestir o crente com o poder de Deus (João 14:16-17 - Atos 1:5-8).

XIII - A VIDA CHEIA DO ESPÍRITO SANTO: Cremos que sendo o Espírito Santo o próprio Deus, se manifesta de diversas maneiras e que é, portanto, vontade de Deus que vivamos e andemos no Espírito, momento a momento, sendo pacientes, amorosos, verdadeiros, sinceros, de oração, não murmuradores, estando a tempo e fora de tempo servindo ao Senhor (I João 5:7 - Efésios 4:30 - Gálatas 5:16).

XIV - DONS DO ESPÍRITO: Cremos que o Espírito Santo tem diversos dons concedidos à Igreja crente e fiel ao Senhor Jesus Cristo, e há também diversidade no Ministério e na 
operação dos mesmos dons com um propósito de um fim proveitoso e útil. Deus nos aconselha que busquemos zelosamente ser portadores destes dons e que procuremos ser abundantes neles, visando a Edificação da Igreja (I Coríntios 12:4-7 - I Coríntios 14:1:12).

XV - O FRUTO DO ESPÍRITO: Cremos que o fruto do Espírito é uma verdadeira característica da visa cristã. Quando Cristo é plenamente formado no crente, mediante a habitação do Seu Espírito, as virtudes verdadeiramente cristãs será um resultado natural do caráter de Cristo formado em nós (João 15:5 - Gálatas 5:22).

XVI - MODERAÇÃO: Cremos que a moderação do crente deve ser notória a todos os homens, que sua experiência e proceder diários jamais o levem a extremos fanatismos, manifestações escandalosas, calúnia, murmurações, mas que sua sóbria experiência cristã seja de uma firme retidão, sensatez, humildade, auto-sacrifício e conforme a Cristo (Filipenses 4:5 - Colossenses 3:12-13). (Costumes A Igreja, como “sal da terra”, deve influenciar nos padrões e costumes do mundo.E não deve ser o contrário. Igreja, literalmente, significa “chamado para fora”. Isto quer dizer que fomos chamados para deixar o mundo e pertencer a Deus. Ora, se fomos chamados para fazer a diferença, não podemos aceitar os mesmos costumes e práticas do mundo, de onde saímos. A igreja Abraçar em Cristo, é uma igreja observadora dos bons costumes pautados na doutrina essencialmente bíblica.)

XVII - CURA DIVINA: Cremos que a cura divina é uma manifestação do poder do Senhor Jesus Cristo para curar os enfermos e os aflitos, em resposta à oração sincera (Mateus 8:17 - Tiago 5:15).

XVIII - A SEGUNDA VINDA DE CRISTO: cremos que a segunda vinda de Cristo é pessoal e iminente; que Ele descerá do céu nas nuvens de glória, com voz de arcanjo e com a trombeta de Deus (I Tessalonicenses 4:16-17 - Mateus 24:36, 42-44).

XIX - RELAÇÕES PARA COM A IGREJA: cremos que, tendo aceitado o Senhor Jesus como Salvador pessoal e Rei, e tendo nascido na família e no corpo invisível da Igreja do Senhor, é sagrado dever do crente, identificar-se com a visível Igreja de Cristo sobre a terra e trabalhar com o maior entusiasmo e fidelidade pela edificação do Reino de Deus (Hebreus 10:24-25 - Atos 2:47).

XX - GOVERNO: Cremos que os governos da terra são de instituição divina, para a promoção da ordem na sociedade humana e dos interesses da mesma (Romanos 13:13).

XXI - O JUÍZO FINAL: Cremos que os mortos tantos pequenos como grandes, serão ressuscitados e estarão vivos perante o trono de julgamento de Deus (Apocalipse 20:15-20).

XXII - O CÉU: Cremos que o céu é a habitação indescritivelmente gloriosa do Deus Vivo e que para lá foi o Senhor a fim de preparar um lugar para os filhos de Deus (João 14:2 - I Coríntios 2:9 - Apocalipse 7:15-17).

XXIII - O INFERNO: Cremos que o inferno é um lugar de trevas exteriores e da mais profunda tristeza, onde o verme não morre e o fogo não se apaga; um lugar preparado para o Diabo e seus anjos, onde haverá choro, pranto e ranger de dentes, lugar de amargura por parte daqueles que rejeitaram a misericórdia, o amor e ternura do Salvador crucificado, escolhendo a morte em vez da vida (Mateus 13:41-42 - Apocalipse 20:10-15).

XXIV - EVANGELISMO: Cremos que, à vista do fato de que todo presente de fatos de coisas passará, e que o fim de todas as coisas é eminente, os filhos remidos do Senhor Jeová devem levantar-se e brilhar como a luz que não pode ser escondida, espargindo o Evangelho aos confins da terra (II Timóteo 4:1-2 - Ezequiel 3:17-18).

XXV DÍZIMOS E OFERTAS: Cremos que o método estabelecido por Deus para manter o seu ministério e promover a propagação do evangelho, conforme a Sua ordem, é o dízimo e as ofertas, não só como diretrizes divinas para prover, quanto às necessidades materiais e financeiras da sua igreja, mas para erguer a economia e a moral espiritual do seu povo de tal sorte que haja por abençoá-los (Malaquias 3:10 - Lucas 6:38) .

 

 







Mulheres
Louvor

Crianças

Diaconato

Jovens

Casais

ETAC

Patrocinadores

Dança




Fone: (163969-6512
reverdecerfm@hotmail.com
Igreja Abraçar
em Cristo
 

Rua: Peru Nº 486 – Vila Mariana
Ribeirão Preto/SP
Copyright © 2018 - Todos direitos reservados à Igreja Abraçar em Cristo
Produzido por: